NOTÍCIAS
23/06/2014
Riscos radiológicos X riscos naturais de câncer

Colaboradores do HSA participaram de uma palestra ministrada pelo físico Marcel Zago Botelho, especialista em Física Radiológica, com mestrado em Nanociências, representante da empresa Staff Soluções em Física Médica e Radioproteção e responsável pelo controle de qualidade dos serviços de radiodiagnóstico da instituição. O tema do encontro foi “Riscos Radiológicos X Riscos Naturais de Câncer”.

Marcel iniciou seus trabalhos afirmando que “a radiologia diagnóstica tem como função principal identificar patologias. Quando se utilizam imagens obtidas a partir da interação da radiação ionizante com o paciente, espera-se que esta apresente qualidade, de modo a minimizar os erros de interpretação e identificação de estruturas, possibilitando diagnóstico mais preciso e com a menor dose de radiação”.

Para o físico, o aumento constante no número de procedimentos radiológicos que vem sendo realizados, como, por exemplo, as radiografias, fluoroscopias e tomografias computadorizadas, trazem um inegável benefício à saúde do paciente. Contudo, é necessário considerar o potencial aumento das doses efetivas (radiação) entregues à população, devido a estes métodos diagnósticos. O risco associado a um exame radiológico é bastante baixo, quando comparado ao já conhecido risco natural do ser humano desenvolver qualquer tipo de câncer. No entanto, “qualquer risco adicional, seja ele quão pequeno for, é inaceitável se este não beneficiar o paciente”, reforçou Marcel, levando em consideração inúmeras solicitações desnecessárias de exames de radiodiagnóstico.

Encerrando seus trabalhos, Marcel esclareceu que, em geral, os princípios de radioproteção tem como objetivo proteger adequadamente os trabalhadores e indivíduos do público, sem limitar desnecessariamente as práticas benéficas que utilizam radiação ionizante. Enfatizou que, a proteção radiológica é fundamentada em princípios básicos, os quais visam garantir que a dose equivalente recebida pelo indivíduo seja tão baixa, quanto razoavelmente necessária para um melhor diagnóstico. A preocupação, porém, é que nenhum emprego de radiação seja injustificado em relação a seus benefícios e, que a dose equivalente (exposição à radiação) não exceda aos limites anuais de dose para trabalhadores e pacientes, completou o físico.

O evento fez parte do cronograma anual de treinamentos oferecidos pelo setor de psicologia da instituição aos colaboradores do HSA.

GALERIA DE FOTOS
OUTRAS NOTÍCIAS
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
CENTRO DE DIAGNÓSTICO
54 3344.3711
Exames
HSA
54 3344.3700
Informações
CORPO CLÍNICO
Consulte a lista completa
MATERNIDADE
Veja as fotos dos recém nascidos
TAPCARD
CENTRO DE DIAGNÓSTICO
 
Rua Tranquilo Basso, 270
CEP 99.950-000 - Tapejara/RS
54 3344.3700
 
INICIAL
O HOSPITAL SANTO ANTÔNIO
PRONTO ATENDIMENTO
TAPCARD
CENTRO DE DIAGNÓSTICO
COLONOSCOPIA
DENSITOMETRIA ÓSSEA
ENDOSCOPIA DIGESTIVA ALTA
MAMOGRAFIA
 
RAIO X
RETOSSIGMOIDOSCOPIA FLEXÍVEL
ULTRASSONOGRAFIA
CORPO CLÍNICO
NOTÍCIAS
MATERNIDADE
CONTATO
LICITAÇÕES
 
Copyrigth 2013 © Todos os direitos reservados - HSA - Hospital Santo Antônio. contato@hsasaude.com.br
Desenvolvido por: